HK sobe na esteira do Dow Jones; recorde na China

A Bolsa de Hong Kong fechou em alta, na esteira da alta recorde do índice Dow Jones, que ontem ultrapassou a barreira dos 12 mil pontos. Porém, alguns analistas acreditam que o mercado está sobrevalorizado e que haverá uma correção. O índice Hang Seng subiu 0,4%, a 18.153,41 pontos. A segunda maior blue chip da Bolsa de Hong Kong, China Mobile, fechou em alta de 1,4%, mas o principal papel desse mercado, HSBC Holdings, caiu 0,2%. O retorno de mais de 700 bilhões de yuans de fundos de subscrição do BICC - Banco Industrial e Comercial da China (ICBC, em inglês - Industrial and Commercial Bank of China) - fez com que o principal índice da bolsa chinesa superasse o nível psicológico dos 1.800 pontos e fechasse com o melhor resultado em cinco anos. O Xangai Composto subiu 2,6%, aos 1.805,18 pontos, a melhor pontuação desde 21 de setembro de 2001. Já o Shenzhen Composto teve alta de 2,1%. ?As instituições querem criar um ambiente positivo no mercado para a listagem dos papéis do BICC, porque muitos deles possuem uma grande quantidade de ações da instituição?, disse Zhou Lin, analista da Huatai Securities. China Petroleum & Chemical, a maior refinaria da Ásia, subiu 6,4%; China Telecomunications teve aumento de 4,4% e Air China avançou 4,2%. O yuan caiu e no fim do dia o dólar subia para 7,9070 yuans no sistema automático de preços, de 7,8980 yuans de segunda-feira. A força da moeda norte-americana nos mercados internacionais mantiveram o yuan baixo hoje. Traders ignoraram a afirmação de um alto funcionário do Banco da China sobre a tomada de medidas para dar mais flexibilidade monetária, mas os participantes do mercado esperam o resultado da reunião do Federal Open Market Committee (Fomc), nos EUA, para entender o direcionamento do mercado de dólar. O índice Taiwan Weighted, da Bolsa de Taiwan, fechou hoje em alta de 0,8%, liderado por papéis do setor financeiro e algumas empresas de tecnologia. ?A visita do CEO do HSBC a Taipé lançou especulações de que a instituição pode estar considerando comprar o Far Eastern International Bank?, disse Derek Lam, da Fubon Securities. Os papéis do Far Eastern subiram 6,8%. O HSBC tem pouca presença no varejo em Taiwan. TSMC teve alta de 2,9%. A Bolsa de Seul fechou estável nesta terça-feira. Os ganhos no setor de construção foram ofuscados pelas baixas dos papéis de tecnologia. O índice Kospi subiu 1,55 ponto, ou 0,1%, a 1.366,50 pontos. As ações do setor de construção tiveram nova alta com as informações de que o governo pretende desenvolver dois novos bairros nas proximidades de Seul com o objetivo de conter os preços dos imóveis. Hyundai Engineering & Construction subiu 1,1% e Daewoo Engineering & Construction teve aumento de 1,8%. Já as vendas realizadas por investidores estrangeiros derrubaram os papéis de tecnologia. LG. Philipis LCD caiu 1,6% e Hynix Semiconductor teve baixa de 0,3%. A queda nos papéis da BHP Billiton tiveram grande impacto no mercado australiano nesta quarta-feira, já que os investidores esperam o resultado da reunião do Fomc. O índice S&P/ASX 200 caiu 0,3%, para 5.317,1 pontos. BHP Billiton caiu 1,3%, depois de ter anunciado uma produção ligeiramente menor do que a esperada no primeiro trimestre. Suncorp-Metway caiu 3,3%. Já Telstra subiu 1,7% e National Austrália Bank teve alta de 0,8%. Energy Resources subiu 7,3% e Paladin avançou 12%. As Bolsas da Indonésia, Filipinas, Malásia, Índia e Cingapura não funcionaram hoje por ser feriado nesses países. As informações são da Dow Jones.

Agencia Estado,

24 de outubro de 2006 | 07h37

Tudo o que sabemos sobre:
finanças

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.