Ibovespa avança com recuperação de bancos e alta de Vale e Petrobras

Especulações em torno da disputa eleitoral provocaram volatilidade em ações da Petrobras, mas bolsa paulista terminou com alta de 1,15%

Clarissa Mangueira, da Agência Estado,

22 de maio de 2014 | 17h40

A Bovespa subiu mais de 1% no fim da sessão desta quinta-feira, 22, ajudada pelas ações da Petrobras, que aceleraram os ganhos na reta final dos negócios, e pelo avanço dos papéis da Vale e de bancos desde o início do dia.

O Ibovespa terminou com alta de 1,15%, aos 52.806,22 pontos. Na máxima da sessão, o índice atingiu 52.851 (+1,24%) e, na mínima, 52.133 pontos (-0,14%). O volume de negócios totalizou R$ 5,730 bilhões, segundo dados preliminares. No ano, a bolsa acumula alta de 2,52% e no mês, ganho de 2,29%.

Os ganhos da bolsa foram sustentados no início dos negócios pela recuperação dos papéis do setor financeiro e pelos ganhos da Vale. As ações do bancos subiram, após a forte queda de ontem com a decisão do Superior Tribunal de Justiça (STJ) a favor dos poupadores, em julgamento sobre o período de incidência dos juros nas ações que envolvem os planos econômicos. Já os papéis da mineradora foram beneficiados pela alta do índice PMI de atividade industrial da China para o maior nível em cinco meses em maio.

O mercado acompanhou a divulgação do resultado da pesquisa Ibope, que mostrou redução dos votos nulos e de indecisos, com aumento das intenções de voto dos três principais prováveis candidatos na disputa presidencial. Porém, prevalece a leitura de que a oposição estaria mostrando maior poder de capitalizar os votos dos indecisos e nulos do que a presidente Dilma Rousseff.

As especulações em torno da disputa eleitoral provocaram volatilidade na negociação dos papéis da Petrobras. Na reta final do pregão, no entanto, as ações se firmaram em alta e aceleraram os ganhos, ajudando a fortalecer o desempenho do Ibovespa.

No fim da sessão, as ações PN e ON da Petrobras fecharam com alta de 1,09% e 0,61%, respectivamente. Vale ON (+1,56%) e Vale PNA (+1,68%). No setor financeiro, Banco do Brasil ON (+3,54%), Bradesco PN (+1,03%) e Itaú Unibanco PN (+1,23%).

O sinal positivo das bolsas de Nova York contribuiu também para o sentimento positivo no mercado doméstico. O apetite por risco em Wall Street foi impulsionado principalmente pelo índice PMI de atividade industrial dos EUA, que subiu a 56,2 em maio, de 55,4 em abril. O índice Dow Jones avançou 0,06%, o S&P 500, 0,24%, e o Nasdaq, 0,55%.

Tudo o que sabemos sobre:
Bovespa

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.