Ibovespa fecha em queda pelo terceiro dia consecutivo

Depois de ter caído 2,61%, para 36.446 pontos, na mínima do dia, o Ibovespa reduziu as perdas, acompanhando a recuperação das bolsas em Nova York, e fechou com desvalorização de 0,36%, a 37.289 pontos, com volume financeiro de R$ 2,75 bilhões. "Os 37 mil pontos são um nível importante para a bolsa", comentou um operador. Há três pregões consecutivos a bolsa paulista vem caindo, em virtude da expectativa de alta das taxas de juros nos Estados Unidos (EUA). Em Wall Street, os analistas passaram a acreditar ultimamente que o ciclo de aperto monetário pode durar mais do que era previsto. Por conta disso, os juros subiram recentemente e as bolsas caíram em Nova York, com reflexos diretos nos mercados domésticos.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.