Indicadores da China impulsionam futuros de petróleo

Indicadores da China impulsionam futuros de petróleo

O Produto Interno Bruto do país superou a expectativas e registrou uma expansão de 7,3% no terceiro trimestre

AE, Estadão Conteúdo

21 de outubro de 2014 | 08h38

Os contratos futuros de petróleo operam em alta nesta terça-feira, impulsionados por indicadores melhores do que o esperado da China. O Produto Interno Bruto (PIB) do país superou a expectativas e registrou uma expansão de 7,3% no terceiro trimestre, ante igual período do ano passado, embora tenha ficado aquém da alta anual de 7,5% no segundo trimestre. Além disso, a produção industrial teve ganho anual de 8,0% em setembro, ante elevação de 6,9% em agosto.

Apesar disso, ainda há outros focos de preocupação nos mercados de petróleo. David Hufton, da corretora PVM, citou a produção da Líbia como um possível fator de queda nos preços. O país norte-africano, até agora, conseguiu continuar a incrementar sua produção de petróleo. Mas a segurança e a situação política se deterioraram, segundo Hufton.

Às 8h30 (de Brasília), o Brent para dezembro subia 0,61%, a US$ 85,92 por barril, na plataforma eletrônica ICE, em Londres. Na Nymex, o contrato de dezembro tinha elevação de 0,59%, a US$ 82,39 por barril. Fonte: Dow Jones Newswires.

Tudo o que sabemos sobre:
MundoPetróleo

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.