Indicadores fracos dos EUA devem afetar bolsas de NY

Dois dos três índices futuros das bolsas de Nova York viraram ligeiramente para baixo após a divulgação de dados piores do que o esperado da economia dos Estados Unidos, sugerindo uma abertura de lado em Wall Street. Às 10h15 (de Brasília), no mercado futuro, Dow Jones recuava 0,02% e S&P 500 perdia 0,12%, enquanto Nasdaq tinha alta de 0,10%. Na quarta-feira, 15, o S&P 500 fechou em nível recorde pela quarta sessão consecutiva e pela nona vez em dez pregões.

Agencia Estado

16 de maio de 2013 | 10h53

O número de trabalhadores norte-americanos que entraram pela primeira vez com pedido de auxílio-desemprego subiu 32 mil na semana passada, para 360 mil, segundo o Departamento do Trabalho. A leitura ficou acima das 330 mil solicitações esperadas por analistas e o aumento foi o maior em uma semana desde novembro de 2012.

Já as construções de casas iniciadas nos EUA despencaram 16,5% em abril, contrariando uma previsão de recuo bem menor, de 6,4%. Também neste caso, o resultado foi o mais fraco desde novembro. Por outro lado, as permissões para a construção de novas casas subiram mais do que o esperado no mês passado.

O índice de preços ao consumidor (CPI, na sigla em inglês) do país, por sua vez, caiu 0,4% em abril ante março, enquanto seu núcleo, que exclui preços de energia e alimentos, subiu 0,1%. Economistas previam queda de 0,3% no CPI e alta de 0,2% no núcleo do índice.

No noticiário corporativo, o Walmart, maior varejista do mundo, recuava 1,77% no pré-mercado após divulgar lucro abaixo da expectativa para o primeiro trimestre e fazer uma previsão desanimadora para os três meses seguintes.

O destaque positivo era Cisco Systems, cuja ação avançava 12% antes da abertura do mercado. No fim da tarde de ontem, a fabricante de equipamentos para rede surpreendeu os analistas com um desempenho trimestral melhor do que se previa, tanto em lucro quanto em receita.

Logo mais, às 11h (de Brasília), os investidores acompanham o índice de atividade regional do Federal Reserve da Filadélfia. As informações são da Dow Jones.

Tudo o que sabemos sobre:
NYbolsasEUA

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.