Índice de atividade pode indicar nível da desaceleração americana

São Paulo, 5 de março - O clima de volatilidade que atingiu os mercados na semana passada deve continuar, na opinião de analistas. Por isso, a palavra de ordem dos mercados devem ser cautela. Nos Estados Unidos o único dado a ser divulgado é o índice de atividade do setor de serviços. O indicador deve ser acompanhado com atenção pelos investidores, que querem saber se a economia norte-americana passa por uma desaceleração suave ou mais forte. No Brasil, após os dados fracos do Produto Interno Bruto (PIB), a pesquisa Focus pode trazer alterações nas projeções para inflação, produção industrial e taxa básica de juros da economia, a Selic. Todos os eventos e dados estão no horário de Brasília. EUA/Serviços - O ISM divulga, ao meio-dia, o índice de atividade do setor não industrial (de serviços) de fevereiro. Focus/BC - O Banco Central divulga, às 8h30, as previsões de 100 instituições financeiras de indicadores econômicos como IPCA, Selic, PIB, produção industrial, entre outros. Balança/MDIC - O Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior (MDIC) divulga, às 10h30, o resultado da balança comercial da primeira semana de março. IPC/Fipe - A Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas (Fipe) divulga, a partir das 7 horas, o Índice de Preços ao Consumidor (IPC) de fevereiro. Petrobras/Japão - A Petrobras assina, às 10 horas, no Rio, o memorando de entendimento com o Japan Bank for International Cooperation (JBIC), que visa à cooperação mútua no desenvolvimento dos biocombustíveis para o mercado japonês.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.