Índice DJ Brazil Titans 20 de ADRs recua 1,44%

Recibos da BrT cedem 6,04%, para US$ 19,29, em resposta à nova relação de troca de ações da Oi

Clarissa Mangueira, da Agência Estado,

25 de março de 2010 | 18h04

Os ADRs das empresas brasileiras negociados em Nova York encerraram a sessão em baixa, na sua maioria. O índice Dow Jones Brazil Titans 20 recuou 477,44 pontos (1,44%) para 32.595,36 pontos.

 

Os recibos da Brasil Telecom caíram 6,04%, para US$ 19,29, em meio à reação dos investidores à nova relação de troca de ações da Oi com a BrT que irá balizar o processo de incorporação, suspenso desde janeiro. A nova relação é de 0,3955 ação ordinária da Telemar para cada ação ordinária da BrT e de 0,2191 ação preferencial classe C da Telemar para cada ação preferencial da BrT.

 

Os papeis ON da Petrobras caíram 2,87%, para US$ 43,60, e os PN recuaram 3,43%, para US$ 38,90. A Fibria teve queda de 3,90%, para US$ 20,97, enquanto a Vivo, cedeu 2,50%, para US$ 26,12.

 

Os recibos do Bradesco subiram 0,52%, para US$ 17,40. Os papeis ON da Cemig avançaram 3,54%, para US$ 13,46, enquanto os papeis PN recuaram 1,61%, para US$ 16,53. A companhia celebrou, na noite de ontem, contrato de opção de compra de cotas com a gestora Enlighted Partners Venture Capital, fundo norte-americano que detém, de forma indireta, 13,03% do capital total votante da Light, equivalente a 26.576.149 de ações ordinárias (ON).

 

Os índices de ADRs do Bank of New York Mellon também registraram quedas. O índice composto caiu 0,33% para 133,17 pontos; o índice latino-americano perdeu 1,47% para 377,40 pontos; e o índice brasileiro declinou 1,82% para 460,66 pontos.

 

As informações são da Dow Jones.

 

Tudo o que sabemos sobre:
açõesbolsaADRDow Jones

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.