Inflação americana deve ditar o ritmo dos negócios

São Paulo, 23 de maio - Diante do nervosismo do mercado em relação ao fim do ciclo de aperto monetário nos Estados Unidos, cresce a expectativa diante do discurso do presidente do Fed, Ben Bernanke. O tema do seu discurso é educação, mas sempre há chance de ele mandar algum recado ao mercado financeiro. Bernanke está sendo observado com uma lupa, já que os mercados internacionais questionam sua capacidade diante do dilema dos Estados Unidos: conter a inflação sem abalar o crescimento. EUA/Fed O presidente do Federal Reserve (Fed, o banco central dos Estados Unidos), Ben Bernanke, depõe sobre educação em finanças no Comitê de Bancos do Senado, em Washington, às 11 horas. EUA/Comércio - A Instinet divulga, às 9h55, o relatório semanal LJR Redbook, com o desempenho do comércio varejista na semana até o último dia 20. EUA/Indústria - O Federal Reserve (Fed, o banco central dos Estados Unidos) da unidade de Richmond divulga, às 11 horas, seu índice de atividade industrial regional de maio. FGV/IPC-S - A Fundação Getúlio Vargas (FGV) divulga, às 8 horas, o Índice de Preços ao Consumidor - Semanal (IPC-S) da terceira semana de maio. Na pesquisa anterior, o indicador subiu 0,24%.

Agencia Estado,

23 de maio de 2006 | 07h00

Tudo o que sabemos sobre:
agenda

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.