Inflação dos EUA pode definir tendência para mercados

São Paulo, 16 de agosto - Indicadores de inflação e de atividade que saem hoje talvez tenham potencial de definir tendência para os mercados, dependendo de como vierem. Depois do resultado menos que o esperado da inflação ao produtor dos Estados Unidos, que provocou otimismo aos mercados, sinalizando que o BC norte-americano pode manter o juro do país inalterado em setembro, a expectativa é grande com a divulgação do índice de inflação ao consumidor juntamente com a produção industrial do país. EUA/CPI - O Departamento do Trabalho dos Estados Unidos divulga, às 9h30, o índice de preços ao consumidor (CPI) de julho. Em junho, o indicador subiu 0,2%. EUA/Indústria - O Federal Reserve (Fed, banco central dos Estados Unidos) divulga, às 10h15, os dados da produção industrial de julho no país. Em junho, o indicador subiu 0,8%. EUA/Imóveis - O Departamento do Comércio dos Estados Unidos divulga, às 9h30, o número de construções de imóveis residenciais iniciadas em julho. Em junho o dado teve queda de 5,3%. EUA/Fed/Dallas - O presidente do Federal Reserve (Fed, banco central dos Estados Unidos) da regional de Dallas, Richard Fisher, discursa, às 14 horas, durante almoço em Dallas (Texas). EUA/Renda - O Departamento do Trabalho dos Estados Unidos divulga, às 9h30, o indicador de renda real dos assalariados em julho. No mês passado, o índice teve alta de 0,6%. EUA/Petróleo - O American Petroleum Institute (API) e o Departamento de Energia (DoE) dos Estados Unidos divulgam, às 11h30, suas estimativas sobre o nível dos estoques norte-americanos de petróleo na semana até 11 de agosto. IBGE/Varejo - O Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) divulga, às 9h30, o indicador de vendas no varejo brasileiro referente a junho. As vendas do comércio varejista nacional cresceram 0,59% em maio. Tesouro/Dívida Pública - A Secretaria do Tesouro Nacional e o Banco Central divulgam, às 11 horas, a nota conjunta sobre a Dívida Pública Mobiliária Federal Interna e Mercado Aberto, referente a julho de 2006. Em junho, a dívida pública mobiliária federal interna subiu 1,7%, atingindo R$ 1,016 trilhão. FGV/IPC-S - A Fundação Getúlio Vargas (FGV) divulga, às 8 horas, o Índice de Preços ao Consumidor - Semanal (IPC-S) da segunda quadrissemana de agosto. Na primeira quadrissemana, o indicador mostrou alta de 0,21%.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.