Japão considera cortar com urgência imposto corporativo

O governo do Japão planeja dizer que vai "considerar com urgência" o corte do imposto corporativo quando divulgar um novo pacote de estímulos à economia do país, informou o jornal Kyodo News nesta quinta-feira, reforçando o compromisso do país em reduzir o imposto.

AE, Agencia Estado

26 de setembro de 2013 | 04h37

O plano atual é antecipar em um ano o desmantelamento de uma sobretaxa de reconstrução da taxa de imposto corporativo. Posteriormente, serão iniciadas discussões sobre novas reduções para entrar em vigor em abril de 2015.

Segundo a publicação, o governo mostraria o seu compromisso, usando a frase "considerar com urgência" em seu próximo pacote de estímulo, que deve ser anunciado em 1 de outubro. Fonte: Dow Jones Newswires.

Mais conteúdo sobre:
japãoimpostocorporativo

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.