Juro fecha em baixa na BM&F com dados favoráveis

As principais taxas de juros fecharam hoje em baixa na Bolsa de Mercadorias & Futuros (BM&F). O contrato de depósito interfinanceiro (DI) com vencimento em janeiro de 2008 encerrou projetando taxa de 12,09% ao ano, ante 12,13% ao ano do dia anterior. Já o DI para janeiro de 2009 terminou a 11,90% ao ano. Ontem, este mesmo DI fechou a 11,94% ao ano. Nesta quinta-feira, o noticiário doméstico continuou mostrando-se favorável para o mercado de juros. A segunda prévia do Índice Geral de Preços - Mercado (IGP-M) de fevereiro subiu 0,13%, muito abaixo do resultado de igual período de janeiro (0,44%). Também saíram os números sobre vendas no varejo em dezembro, mostrando queda de 0,5% em relação a novembro e crescimento de 5,7% na comparação com dezembro de 2005. Os indicadores reforçam, portanto, a percepção de que há espaço para mais cortes na taxa básica de juros da economia brasileira, a Selic, em doses mais fortes do que a aplicada na reunião de janeiro. Nos Estados Unidos, as palavras do presidente do Federal Reserve (Fed, o banco central norte-americano) e os indicadores do país corroboram a expectativa que vigora no mercado de que os juros nos EUA devem manter-se inalterados no primeiro semestre e que devem recuar a partir do segundo semestre.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.