Juro futuro abre estável, mas semana é de cautela

Os juros futuros operavam em torno da estabilidade no pregão eletrônico GTS da Bolsa de Mercadorias & Futuros (BM&F) neste começo de segunda-feira. É consenso entre os operadores que a semana pode ser de volatilidade, em razão da reunião do comitê do banco central americano sobre juros na quarta e quinta-feira. Uma alta de 0,25 ponto porcentual na taxa dos Fed Funds (a taxa de juro de curto prazo dos Estados Unidos) é esperada; mas há quem considere que o Fed (o banco central dos EUA) pode chegar a um aumento de 0,50 pp ainda nesta reunião. Se o 0,25 for ratificado, ainda assim os mercados vão se debruçar com grande expectativa sobre o comunicado a ser divulgado após o encontro, esperando encontrar sinalizações sobre os próximos passos da autoridade monetária norte-americana. Até que isso aconteça, pode haver altos e baixos no comportamento dos negócios ao longo da semana, com potencial efeito na parte longa da curva de juros na BM&F. Ao menos a semana começa já com a decisão de ontem do banco central da Turquia de elevar os juros em 2,25 pontos porcentuais, respondendo ao ataque especulativo à moeda do país. No Brasil, confirmam-se as previsões de queda nas expectativas de inflação para este ano (reforçadas pela deflação de 0,15% no IPCA-15 de junho) e de alta nos IGPs. A pesquisa Focus, divulgada mais cedo pelo Banco Central, mostrou recuo forte na projeção para o IPCA em 2006, de 4,17% para 4,04%. Já o IGP-DI projetado para 2006 subiu de 3,28% para 3,41% e o IGP-M foi de 3,24% para 3,40%. Isso também era já esperado, em razão principalmente do câmbio e da alta de algumas commodities. Para a Selic, a Focus mostrou que os analistas mantiveram a previsão de corte de 0,50 ponto porcentual na reunião do Comitê de Política Monetária do BC dos dias 18 e 19 de julho. Às 10h04, juro projetado pelo contrato futuro de depósito interfinanceiro (DI) com vencimento em janeiro de 2008 (o mais negociado) estava em 15,48%, ante 15,50% de sexta-feira.

Agencia Estado,

26 de junho de 2006 | 10h08

Tudo o que sabemos sobre:
finanças

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.