Juro futuro recua com previsão de queda da inflação

O contrato de depósito interfinanceiro (DI) com vencimento em janeiro de 2008 - tradicionalmente o mais negociado na Bolsa de Mercadorias & Futuros (BM&F) - fechou hoje em baixa. O DI terminou o dia projetando taxa de 12,19% ao ano, ante 12,21% ao ano de sexta-feira. Segundo operadores, o movimento de baixa no mercado futuro de juros foi motivado pelo recuo verificado nas projeções de inflação mostrado pela pesquisa Focus, divulgada nesta segunda-feira pelo Banco Central (BC). A pesquisa Focus mostrou baixa em muitas das previsões de inflação para 2007. E passou a apresentar também as apostas para 2008. No caso do Índice de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA), houve queda da projeção para este ano de 4,07% para 3,97%. Para 2008, as projeções ficaram em 4%. Para o Índice Geral de Preços - Mercado (IGP-M), as apostas caíram de 4,25% para 4,10% em 2007. Também houve baixa nas previsões para reajuste dos preços administrados, de 4% para 3,80% em 2007. E recuo do Índice Geral de Preços - Disponibilidade Interna (IGP-DI) de 4,25% para 4,13%. Apesar da reação desta segunda-feira, os investidores não alteraram o cenário com que vêm trabalhando, de que o juro básico, a Selic, seguirá em queda de 0,25 ponto. Até existem investidores enxergando possibilidade de o ritmo voltar a se acelerar, dependendo dos indicadores, na reunião de abril. Mas essa idéia não afeta os preços, porque o mercado prefere trabalhar com algum prêmio nos contratos.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.