Juro futuro recua e fecha em 15,96% na BM&F

Após dois dias de queda, os juros futuros caíram hoje. A taxa do contrato de depósito interfinanceiro (DI) de janeiro de 2008, o mais negociado na Bolsa de Mercadorias & Futuros (BM&F), fechou em 15,96% ao ano, contra os 16,18% de ontem. A ata da última reunião do Federal Reserve (Fed, banco central dos EUA), divulgada esta tarde, não interrompeu a trajetória de queda nas taxas de juros futuros, que apresentaram pequena oscilação. A ata era esperada pelo mercado pois poderia sinalizar a trajetória da taxa de juros dos EUA. Contudo, enquanto os juros dos títulos do Tesouro norte-americano mantiveram-se em alta após a divulgação da ata, os juros futuros brasileiros sofreram pouca alteração. O mercado doméstico aguarda ainda a decisão do Comitê de Política Monetária (Copom) sobre a taxa Selic, atualmente em 15,75% ao ano. A decisão será divulgada hoje, mas apenas após o encerramento dos negócios.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.