Juros voltam a dar sinais de alta da Selic em 0,25 p.p.

Depois de duas semanas de pressão, os contratos de juros futuros iniciaram a semana com prêmios reduzidos. A chance de uma elevação mais branda da Selic, de 0,25 ponto porcentual, na reunião do Copom de fevereiro voltou a ser cogitada, em função de um IPCA mais comportado em janeiro (+0,55%) e do fraco resultado da produção industrial de dezembro (-3,5%).

FERNANDO TRAVAGLINI, Agencia Estado

10 de fevereiro de 2014 | 09h53

O dólar, no entanto, com valorização na manhã desta segunda-feira, 10, ante o real, trouxe de volta o viés de alta para as taxas. O câmbio tem mais força do que a melhora das expectativas inflacionárias detectadas pela pesquisa Focus, do Banco Central, até o momento.

A projeção de inflação medida pelo IPCA para 2014 caiu de 6,00% para 5,89%, na primeira coleta depois de conhecido o dado de janeiro. Para 2015, a projeção segue em 5,70%. As estimativas no Top 5 - grupo dos analistas que mais acertam projeções - médio prazo caíram de 6,20% para 5,86% e de 6,00% para 5,80% para 2014 e 2015, respectivamente.

Às 9h31, o DI para janeiro de 2015 tinha taxa de 11,39%, de 11,38% no ajuste de sexta-feira. O contrato chegou a alcançar a máxima de 11,41%, na sequência da abertura do dólar. A moeda norte-americana começou o dia negociada a R$ 2,3920 (+0,55%). Às 9h32, entretanto, já marcava a mínima, a R$ 2,3870 (+0,34%).

Tudo o que sabemos sobre:
juros futurosSelic

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.