Leilão do BC segura disparada do dólar após dado de emprego nos EUA

Moeda americana abriu estável ante o real no mercado à vista, mas disparou após dado positivo do mercado de trabalho nos Estados Unidos

Texto atualizado às 12h40, Agência Estado

08 de novembro de 2013 | 10h05

SÃO PAULO - O dólar abriu com leve alta ante o real no mercado futuro e estável no mercado à vista. Em seguida, a moeda à vista subiu pontualmente e, depois, engatou um viés de baixa, acompanhando o recuo do dólar futuro.

Após a divulgação do relatório de emprego dos Estados Unidos (payroll) pelo Departamento do Trabalho, que apontou a criação de 204 mil vagas em outubro, acima das expectativas de 120 mil vagas, o dólar à vista disparou e saltou até uma máxima de R$ 2,3440 (+1,65%).

O anúncio do payrool coincidiu com a realização do leilão de linha de até US$ 1 bilhão pelo Banco Central (BC) no mercado à vista de câmbio. O leilão do BC ajudou a segurar a disparada do dólar ante o real. Por volta de 12h40, a moeda americana à vista estava cotada a R$ 2,3270, em alta de 0,91%.

Tudo o que sabemos sobre:
dolarEUAemprego

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.