McDonald's enfrenta escassez em lojas da China

Rede de restaurantes afirmou que os consumidores nas regiões norte e central da China terão um cardápio com opções limitadas

AE, Agência Estado

28 de julho de 2014 | 02h53

O McDonald''s está enfrentando uma escassez de produtos em algumas das lojas na China após problemas com a fornecedora de carnes em Xangai, acusada de oferecer produtos a redes de fast food com a data de validade expirada.

Um porta-voz do McDonald''s afirmou que os consumidores nas regiões norte e central da China terão um cardápio com opções limitadas devido à troca de fornecedor. As lojas em Pequim e Xangai não têm hambúrguer ou frango e a empresa encoraja os clientes a comprarem sanduíches de peixe. Contudo, a representante de uma loja de Xangai revelou que os estoques de peixe já estão perto do fim.

Ainda não está claro quanto tempo a escassez irá durar ou afetar as vendas do McDonald''s na China, um dos principais mercados em crescimento da empresa. A companhia possui mais de duas mil lojas na China. A Husi também oferecia alface, ovos e milho às lojas do McDonald''s na China.

Na semana passada, o McDonald''s interrompeu as encomendas da Husi Food, fornecedora controlada pelo grupo norte-americano OSI Group. A controladora informou que retirou todos os produtos da Husi do mercado e o McDonald''s acrescentou que irá encomendar produtos de outras fábricas da OSI na China.

Os negócios do McDonald''s no Japão também foram prejudicados. A McDonald''s Holdings Co. Japan anunciou na sexta-feira que irá cortar todas as ordens de produtos de frango da China para suas lojas. Segundo a subsidiária, os produtos da unidade de Xangai da Husi chegam a 10% das lojas no Japão. Fonte: Dow Jones Newswires.

Tudo o que sabemos sobre:
Chinamcdonalds

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.