Mercados asiáticos recuperam perdas após alta em NY

O índice Hang Seng, da Bolsa da Hong Kong, teve alta de 0,6% com a expectativa de que blue chips, tais como HSBC, apresentem bons resultados no próximo trimestre. Os papéis do HSBC subiram 0,9% e foram as ações mais negociadas do pregão. O mercado chinês registrou alta nesta terça-feira, com o bom desempenho de ações do setor de mineração, embora os ganhos tenham sido limitados por preocupações sobre o crédito. Ontem o Banco da China anunciou o aumento do porcentual dos depósitos compulsórios de 15 bancos a partir de 15 de agosto. O Xangai Composto subiu 1,2% e o Shenzhen Composto encerrou o dia em alta de 1,1%. O yuan caiu e no fim do dia o dólar subia para 7,871 no sistema automático de preços, de 7,841 de segunda-feira. A Bolsa de Taiwan subiu nesta terça-feira, liderada por papéis de fabricantes de chips e empresas de construção, após a alta registrada ontem em Wall Street. O Taiwan Weighted encerrou o dia em alta de 0,5%. As ações da Taiwan Semiconductor Manufacturing tiveram alta de 1,7%. O índice Kospi da bolsa sul-coreana registrou alta de 1,3%, liderado por papéis dos setores bancário e de tecnologia. O mercado filipino reagiu bem ao discurso da presidente Gloria Macapagal Arroyo proferido ontem. Na Bolsa de Manila, o índice PSE Composto subiu 1,2%, depois de ter caído 0,3% na sexta-feira. Ontem, o pregão foi suspenso por causa de um furacão. A presidente afirmou, durante seu discurso, que o país está pronto para investir pesadamente em ?super-regiões? para expandir o crescimento econômico e difundir o desenvolvimento. Em Sydney, o S&P/ASX 200 registrou sua maior alta em duas semanas, fechando aos 5.015,9 pontos, ou 1,2%, incentivada pelo bom desempenho das Bolsas norte-americanas e pelo aumento dos preços das commodities. O índice composto de 100 principais ações da Bolsa de Kuala Lumpur (Malásia) fechou em alta de 0,6% e o Strait Times, da bolsa de Cingapura, em alta de 1,3%. O índice JSX Composto, da bolsa de Jacarta (Indonésia), encerrou o pregão em alta de 0,35%. (As informações são da Dow Jones).

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.