Mercados têm reação morna a dado de inflação nos EUA

Os mercados esboçaram reação morna ao índice de preços ao produtor (PPI) e às vendas no varejo em maio, divulgados esta manhã nos Estados Unidos. O juro do título de 10 anos do Tesouro americano ficou praticamente no mesmo nível, enquanto o euro e o dólar oscilaram levemente. O índice futuro Nasdaq-100 virou e subiu imediatamente após os dados, com investidores aproveitando que os dados não alteraram as expectativas em relação ao juro para recolher algumas ações das mínimas atingidas ontem, quando o índice de tecnologia caiu 2% na sessão regular. O futuro S&P 500 manteve as perdas. O PPI subiu 0,2% em maio, abaixo da previsão de aumento de 0,4%, enquanto seu núcleo subiu 0,3%, acima da estimativa de alta de 0,2%. As vendas no varejo subiram 0,1% em maio, superando a previsão de variação zero. Os números sobre vendas em abril foram revisados em alta. De acordo com especialistas, além de o relato sobre preços ao produtor trazer indicações divergentes, as variações de preço registradas no PPI tendem - não necessariamente - a se refletir em seis a oito meses depois nos preços ao consumidor (CPI). Portanto, a expectativa com o CPI, com maior potencial de esclarecimento das "angústias" atuais dos mercados, pode também estar limitando qualquer reação mais relevante. Às 9h52 (de Brasília), o juro do T-Note de 10 anos caía para 4,9693%, de 4,9563% antes dos dados. O dólar subia para 114,56 ienes, de 114,66 ienes antes; o euro caía para US$ 1,2572, de US$ 1,2570. O futuro Nasdaq-100 caía 0,16% e o S&P 500 cedia 0,18%.

Agencia Estado,

13 de junho de 2006 | 10h02

Tudo o que sabemos sobre:
finanças

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.