Meta fiscal agrada e põe dólar na mínima

Dólar à vista atingiu uma mínima, a R$ 2,3780 (-0,59%).; na BM&FBovespa, o dólar para março de 2014 caiu à mínima de R$ 2,3830

Silvana Rocha, da Agência Estado,

20 de fevereiro de 2014 | 11h29

O dólar renovou mínimas reagindo ao anúncio da meta fiscal do setor público para 2014 de R$ 99 bilhões, equivalente a 1,90% do Produto Interno Bruto (PIB). Segundo um operador de tesouraria, a meta agradou no primeiro momento os investidores, estimulando fundos e investidores estrangeiros a reduzirem suas fortes posições cambiais compradas no mercado futuro. O ajuste puxou junto para baixo o dólar à vista, afirmou. O dólar à vista atingiu uma mínima, a R$ 2,3780 (-0,59%). Na BM&FBovespa, o dólar para março de 2014 caiu à mínima de R$ 2,3830 (-0,73%) e, às 11h12, recuava 0,58%, a R$ 2,3865.

Tudo o que sabemos sobre:
dólarmeta fiscal

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.