Mexicana Femsa diz que elevará preços em linha com inflação esperada

A cervejaria e engarrafadora mexicana Femsa, que no Brasil controla a Kaiser, informou que vai elevar os preços de suas cervejas em linha com a inflação projetada para este ano.A companhia não especificou que taxa de inflação esperada irá utilizar. O Banco do México tem uma meta permanente de 3% ao ano, que é incorporada no orçamento federal.Mas, de acordo com a mais recente pesquisa da autoridade monetária junto a economistas privados, a expectativa para o Índice de Preços ao Consumidor (IPC) em 2007 é de 3,5%. Acredita-se que a taxa tenha terminado 2006 em cerca de 4%.A Femsa disse que, além de compensar a inflação, os aumentos de preço visam a recuperar os custos mais elevados de alumínio, das garrafas de vidro e da cevada que a empresa enfrentou em 2006.Os reajustes serão implementados por um período de seis semanas a partir desta. As informações são da Dow Jones.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.