Mittal não pretende dividir controle da Arcelor

O executivo-chefe (CEO) da Mittal Steel Co., Lakshmi Mittal, disse, em entrevista ao International Herald Tribune, que não pretende ter o controle compartilhado da concorrente Arcelor. Entre outras declarações ao jornal norte-americano, o executivo ridicularizou os padrões de governança corporativa da Arcelor, grupo siderúrgico com sede em Luxemburgo que tenta adquirir há cinco meses.Lakshmi também descartou a idéia de que ficará com uma participação minoritária na siderúrgica ao lado do magnata russo Aleksei Mordashov, executivo-chefe da Severstal.A administração da Arcelor, segunda maior siderúrgica do mundo em termos de produção, se aliou ao grupo russo para se defender da oferta da Mittal, vendendo ao executivo 32% da Arcelor por 13 bilhões de euros. Recentemente, a Mittal elevou sua proposta pela companhia inteira de 18,6 bilhões de euros para 25,8 bilhões de euros (US$ 33,3 bilhões). As informações são da agência Dow Jones.

Agencia Estado,

05 de junho de 2006 | 09h19

Tudo o que sabemos sobre:
empresas

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.