Montadoras impulsionam alta das bolsas europeias

Papéis da Renault subiam 2,98%, os da Porsche avançavam 3,18% e os da Volkswagen ganhavam 0,88%

Clarissa Mangueira, da Agência Estado,

26 de janeiro de 2011 | 09h51

Os ganhos acentuados das ações do setor automotivo colaboram para alta das bolsas europeias nesta quarta-feira . Por volta das 9h45 (de Brasília), os papéis da Renault subiam 2,98%, os da Porsche avançavam 3,18% e os da Volkswagen ganhavam 0,88%.

Segundo operadores, o setor está reduzindo suas perdas recentes desencadeadas pelos temores de que a economia da China possa estar observando um superaquecimento e que a reação das autoridades poderia ser a de reduzir a demanda por importações.

A alta da Renault foi impulsionada após o Barclays Capital anunciar que elevou sua recomendação para as ações da companhia de "underweight" para "overweight", disse um trader. Segundo o Barclays, as vendas da montadora deverão subir graças à forte posição da companhia na Rússia, através da sua participação na AvtoVAZ, e no Leste Europeu, por meio da marca Dacia. A montadora também deverá beneficiar-se da recuperação na Europa, onde os carros baratos da marca Dacia serão populares. Além disso, a montadora pode aumentar as sinergias com a Nissan. O preço-alvo do Barclays para a ação da Renault é de € 58.

A Porsche teve a avaliação de suas ações elevada pelo HSBC de "underweight" para "overweight". O banco aumentou também o preço-alvo para os papéis da montadora de € 36 para € 95. O HSBC prevê que a montadora obterá potenciais retornos adicionais, se os riscos de litígio e responsabilidades fiscais não se concretizarem.

O HSBC elevou ainda o preço-alvo para as ações preferenciais da Volkswagen de € 124 para € 165. O banco projeta uma melhora dos resultados da montadora devido à continuidade dos seus altos lucros na China, preços relativamente estáveis, aprimoramento do mix de produtos e aumento da sua capacidade de utilização. Segundo o banco, a elevação da avaliação também é resultado de uma potencial fusão com a Porsche.

ÀS 9h57, a Bolsa de Londres subia 1,35%, a de Paris avançava 1,07% e  a de FRankfurt, +1,29%. O euro era negociado a 1,3690 de US$ 1,3682 no fim da tarde de ontem. As informações são da Dow Jones. 

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.