MP que isenta IR de estrangeiro está há um mês na pauta do Senado

O Senado, assim como a Câmara, começa mais uma semana com a pauta trancada por medidas provisórias. Os senadores trabalham em ritmo lento. Desde o dia 3 de maio, ou seja, há mais de um mês, a Câmara enviou ao Senado a MP 281, que até hoje espera votação pelos senadores. Se essa MP não for votada até o dia 14, próxima semana, ela perderá a validade. A MP 281 isenta de Imposto de Renda os rendimentos obtidos por investidores estrangeiros em títulos públicos federais e em algumas aplicações de risco. Se em maio as votações no Congresso já foram escassas, no mês de junho esse cenário tende a piorar. Na próxima semana, haverá a estréia do Brasil na Copa na terça-feira e o feriado nacional de Corpus Christi na quinta. O Congresso também deverá esvaziar nas semanas seguintes por causa das convenções partidárias nos Estados. Além da MP 281, a pauta do Senado está trancada por outras quatro medidas provisórias. A sessão no Senado está marcada para as 14h.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.