Multibrás confirma acordo com metalúrgicos sobre fechamento de fábrica

A Whirlpool, empresa que controla a Multibrás, confirmou acordo com metalúrgicos a respeito do encerramento das atividades produtivas da unidade de fabricação de fogões da Brastemp. A companhia pagará aos funcionários que serão demitidos 0,7 salário por ano trabalhado, com teto de sete salários.Além disso, os metalúrgicos também receberão 4 meses de cesta básica, 4 meses de assistência médica e 200 horas de curso de qualificação. Além disso, a empresa manterá o programa de recolocação, com o objetivo de agilizar a transição dos colaboradores para uma nova atividade profissional.A Whirlpool informou também que suas fábricas de Joinville (SC), Rio Claro (SP) e Manaus (AM) estão produzindo normalmente todas as linhas das marcas Consul e Brastemp. A sede da companhia em São Paulo, bem como o Centro Distribuição em Tamboré, operam sem qualquer alteração.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.