Nikkei 225 sobe 1,6% com PPI abaixo do esperado

O índice Nikkei 225, da Bolsa de Tóquio, registrou hoje seu melhor desempenho desde 19 de maio, fechando em alta de 1,6%, aos 16.071,36 pontos. Investidores decidiram comprar ações de empresas exportadoras - como Toyota e Matsushita Electric - depois da divulgação do Índice de Preços ao Produtor (PPI) dos EUA. A alta de 0,1% na taxa ficou abaixo do esperado, o que fez aumentar a expectativa de que o Federal Reserve (Fed, o banco central americano) vá interromper sua trajetória de alta dos juros básicos da economia. Os papéis da Toyota subiram 2,4%; os da Nissan avançaram 2,6% e os da Honda tiveram valorização de 2,3%. No setor de eletrônicos, Matsushita Electric Industrial fechou com aumento de 2,7% e TDK teve alta de 2,5%. Já as ações da Sony caíram 1,2%, depois que a Dell Computer anunciou o recall de 4,1 milhões de notebooks, cujas baterias, produzidas pela empresa japonesa, podem sofrer superaquecimento e explodir. Os dados do PPI elevaram as preocupações sobre a saúde da maior economia do mundo, mas a possibilidade de uma séria redução da economia americana não chegou a preocupar realmente os investidores em Tóquio, afirmaram traders. (As informações são da Dow Jones).

Agencia Estado,

16 de agosto de 2006 | 07h03

Tudo o que sabemos sobre:
finanças

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.