Nikkei acumula quinta semana consecutiva de ganhos

A Bolsa de Tóquio fechou em leve queda, mas mesmo assim acumulou alta de 1,7% na semana, a quinta consecutiva de ganhos. Essa é a melhor série semanal desde uma sequência de semanas entre junho e julho do ano passado. O índice Nikkei encerrou o dia com perdas de 0,08%, aos 15.349,42 pontos.

AE, Agência Estado

20 de junho de 2014 | 04h57

O volume negociado alcançou 2,95 bilhões de ações nesta sexta-feira. Esse é o volume mais forte desde 14 de março e um bom sinal de interesse dos investidores institucionais, afirmaram traders. "Nós estamos claramente em um mercado tecnicamente superaquecido", disse Juichi Wako, estrategista sênior na Nomura Securities.

Norihiro Fujito, estrategista-sênior de investimentos na Mitsubishi UFJ Morgan Stanley Securities, afirmou que embora se possa argumentar que o rali tenha sido artificialmente arquitetado pela possibilidade de o fundo público de pensão aumentar a participação dos investimentos em ações, poucos investidores querem ficar para trás.

As ações do setor imobiliário se destacaram no campo positivo neste pregão, em meio às expectativas de compra pelos fundo de pensão e de crescimento do setor influenciado pelas Olimpíadas de 2020, em Tóquio. O subíndice de ações do setor no índice Topix subiu 1,5% nesta sexta-feira. O analista Tomohiro Araki, da Nomura Securities, lembrou que o governo tem como meta atrair 20 milhões de turistas até 2020, dobrando o recorde do ano anterior, de 10 milhões.

As ações da Panasonic fecharam com ganhos de 0,6% após o jornal Nikkei publicar que a empresa irá realocar funcionários e reduzir a equipe de pesquisa e desenvolvimento para cerca de 500 pessoas. Fonte: Dow Jones Newswires.

Tudo o que sabemos sobre:
Japãobolsa

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.