NY abre em queda à espera de Bernanke, do Fed

O índice Dow Jones da Bolsa de Nova York abriu em queda hoje e, às 10h31, recuava 0,14%, seguido pelo índice Nasdaq, que caía 0,19% no mesmo horário. Os índices futuros do mercado acionário norte-americano seguem perto da estabilidade, mas mudaram de lado e passaram a sinalizar um rumo de queda leve para o início do pregão. O S&P 500 cedia 0,02% e o Nasdaq 100 futuro apresentava queda de 0,03%, às 10h21 (de Brasília). O mercado deve manter movimentos comedidos até que o presidente do Federal Reserve (Fed), o banco central norte-americano, Ben Bernanke, encerre seu discurso no simpósio econômico anual do Federal Reserve Bank de Kansas City, em Jackson Hole (Wyoming). Com o tema "integração econômica global: o que é novidade e o que não é?", o pronunciamento começará às 11 horas. A expectativa vigente é que Bernanke deve manter o script, evitando comentários de impacto nesse momento em que a economia parece caminhar para um pouso nos Estados Unidos. Além de Bernanke, o petróleo deve também guiar os negócios desta sexta-feira. O contrato futuro de petróleo bruto para outubro subia 1,30%, para US$ 73,30 por barril, na Bolsa Mercantil de Nova York (Nymex) eletrônica, com as compras creditadas à possível formação de uma tempestade tropical no Caribe, que poderia se fortalecer e atingir a região rica em refinarias do Golfo do México. O embate do Irã com a Organização das Nações Unidas (ONU) sobre seu programa de enriquecimento de urânio também continuava dando suporte a compras, enquanto o seqüestro de funcionários da indústria petrolífera da Nigéria também foi citado como um fator para impulsionar os preços. As informações são da Dow Jones.

Agencia Estado,

25 de agosto de 2006 | 10h38

Tudo o que sabemos sobre:
finanças

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.