NY fecha em alta modesta com otimismo sobre balanços

Ações do Goldman Sachs, que divulga resultado amanhã, caíram 0,34%

Renato Martins, da Agência Estado,

19 de julho de 2010 | 17h55

O mercado norte-americano de ações fechou com os principais índices em alta modesta. Os investidores reagiram a alguns informes de resultados de empresas e mostraram a expectativa de que os balanços que sairão nesta semana serão positivos. "O mercado está operando em faixas estreitas, à espera de uma confirmação, por parte de algumas das empresas mais importantes, de que elas estão ficando alinhadas ou superando as expectativas", disse Stephen O''Neill, gerente de carteira da RiverNorth Capital.

Entre as componentes do índice Dow Jones, o destaque positivo foi Boeing, com alta de 2,12%, depois de a empresa anunciar encomendas durante a feira aérea de Farnborough, no Reino Unido. O informe de resultados da Halliburton contribuiu para que as ações do setor de petróleo subissem (Halliburton +6,03%, Schlumberger +4,36%, ExxonMobil +0,81%, Chevron +0,70%); os ADRs da BP, porém, caíram 3,64%.

No setor financeiro, as ações do Bank of America, que haviam sofrido queda forte na sexta-feira, em reação a seu informe de resultados, recuaram 2,65%; as do Goldman Sachs, que divulga balanço nesta terça, recuaram 0,34%.

Entre as companhias aéreas, as ações da Delta Air Lines caíram 2,90%, embora seu lucro do segundo trimestre tenha superado as previsões; a empresa também anunciou o plano de aumentar o número de rotas e de voos, o que levou a temores de uma guerra de preços no setor.

As ações da Motorola subiram 5,60%, em reação ao anúncio de uma oferta de US$ 1,2 bilhão da Nokia Siemens Networks pela maioria dos ativos na área de equipamentos para redes de comunicações; as ações da IBM, que anunciaria resultados depois do fechamento, subiram 1,37%.

O índice Dow Jones fechou em alta de 56,53 pontos (0,56%), em 10.154,43 pontos. O Nasdaq fechou em alta de 19,18 pontos (0,88%), em 2.198,23 pontos. O S&P-500 fechou em alta de 6,37 pontos (0,60%), em 1.071,25 pontos. As informações são da Dow Jones.

Tudo o que sabemos sobre:
bolsasDow JonesNasdaq

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.