NY sobe com especulação sobre Fed; dólar recua

No mesmo horário, o índice Dow Jones subia 1,14%, o Nasdaq avançava 1,08% e o S&P 500 tinha alta de 1,06%

Danielle Chaves, da Agência Estado,

20 de outubro de 2010 | 14h08

A especulação de que o Federal Reserve (Fed, banco central americano) vai ampliar a compra de bônus para dar suporte à economia dos EUA aumentou no início da tarde, horas antes da divulgação do Livro Bege, prevista para as 16h (de Brasília). Com isso, as bolsas acentuaram os ganhos, junto com uma alta no ouro e no petróleo, e o dólar perdeu força.

O Livro Bege do Fed contém avaliações sobre economias regionais dos EUA e será uma referência para a reunião de política monetária do banco central norte-americano marcada para os dias 2 e 3 de novembro. A expectativa é de que o Fed anuncie um novo afrouxamento quantitativo após a reunião. "O afrouxamento quantitativo é o principal guia para os mercados em geral agora", afirmou Jason Rogan, da Guggenheim Partners.

Para o dólar, um afrouxamento quantitativo é negativo porque o estímulo do Fed é visto como impressão de mais dinheiro que vai enfraquecer a moeda. Às 13h50 (de Brasília), o dólar caía para 81,05 ienes, de 81,58 ienes ontem, enquanto o euro subia para US$ 1,3957, de US$ 1,3730 ontem.

No mesmo horário, o índice Dow Jones subia 1,14%, o Nasdaq avançava 1,08% e o S&P 500 tinha alta de 1,06%. Entre as commodities, o petróleo para novembro ganhava 2,04%, para US$ 81,11 por barril, na Nymex, e o cobre para dezembro negociado na Comex avançava 0,67%, para US$ 3,7825 por libra-peso. As informações são da Dow Jones.

Tudo o que sabemos sobre:
bolsasDow JonesNasdaqFeddólar

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.