NYSE e Deutsche Boerse propõem vender ativos por fusão

As operadoras de bolsas de valores NYSE Euronext e Deutsche Boerse enviaram uma proposta à Comissão Europeia sugerindo a venda de ativos ante as preocupações antitrustes do órgão sobre a planejada fusão das duas companhias.

CLARISSA MANGUEIRA, Agencia Estado

18 de novembro de 2011 | 10h36

A NYSE e a Boerse apresentaram uma proposta de vender partes de seus respectivos negócios, nos casos em que eles se sobrepõem, afirmaram as empresas em um comunicado conjunto. "A NYSE Euronext iria se desfazer do seu negócio pan-europeu de derivativos, incluindo o Bclear, exceto os negócios de opções nos mercados domésticos, onde a Deutsche Boerse iria vender seus respectivos negócios", informaram.

As duas companhias também oferecem a concessão "sem precedentes" de acesso de terceiros à Eurex Clearing para inovações de produtos de derivativos.

A NYSE e a Boerse insistiram que a fusão não terá efeito negativo para a competição. A proposta vai estender o período para a revisão da Comissão Europeia para 23 de janeiro de 2012, disse o comunicado. As informações são da Dow Jones.

Tudo o que sabemos sobre:
NYSEDeutsche Boersefusão

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.