ONU impõe sanções a empresa da Coreia do Norte

A Organização das Nações Unidas (ONU) impôs sanções a uma empresa norte-coreana responsável pela operação de uma embarcação apreendida pelo Panamá em julho de 2013 por carregar equipamentos militares não declarados.

AE, Agência Estado

29 de julho de 2014 | 00h06

O Conselho de Segurança da ONU adicionou a Ocean Maritime Management Company à lista de sanções e ordenou que todos os países congelem seus ativos. A empresa é responsável por operar o Chong Chon Gang, embarcação que foi confiscada no Panamá quando transportava os equipamentos militares com origem em Cuba.

A embaixadora dos EUA Samantha Power acusou Cuba e Coreia do Norte de protagonizarem uma tentativa ilegal, cínica e ultrajante de contornar as proibições da ONU à exportação de armamentos para a Coreia do Norte.

Ela esclareceu que o congelamento global de ativos da Ocean Maritime Management significa que a empresa, com sede em Pyongyang, não poderá operar internacionalmente. Fonte: Associated Press.

Tudo o que sabemos sobre:
Coreia do norteonu

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.