Ouro acaba semana com ganho de 4,5%

Os contratos futuros de ouro negociados na Comex, a divisão de metais da New York Mercantile Exchange (Nymex), fecharam em alta nesta sexta-feira e encerraram a semana com ganho de 4,5%. O ouro tem se beneficiado do dólar mais fraco e da retirada de apostas de investidores que previam preços menores. As perspectivas de uma redução de estímulos do Federal Reserve (Fed, o banco central dos Estados Unidos) também motivaram a busca pelo metal precioso.

AE, Agencia Estado

16 de agosto de 2013 | 21h34

O contrato de ouro mais negociado, com entrega para dezembro, ganhou US$ 10,10 (0,7%), fechando a US$ 1.371,00 a onça-troy. "Os metais preciosos receberam apoio esta semana da saída dos investidores dos mercados de ações e dos Treasuries com a perspectiva de uma redução de estímulos em setembro", disse o vice-presidente do EverBank World Markets, Mike Meyer. "A forte queda do ouro anteriormente no ano agora é uma oportunidade de compra."

Mas o rali pode perder força nos próximos meses, de acordo com a analista de metais do Barclays Bani Suki Cooper. "O rali do ouro não tem apoio de fundamentos. Mantemos nossa visão de que o mercado físico precisará continuar forte para absorver o excesso de oferta, que vai pressionar os preços." Fonte: Dow Jones Newswires.

Tudo o que sabemos sobre:
Mercado de ouro

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.