Ouro fecha em baixa após dados positivos dos EUA

Os contratos futuros de ouro negociados na Comex, a divisão de metais da New York Mercantile Exchange (Nymex), fecharam em baixa pela terceira sessão consecutiva nesta terça-feira, 22, alcançando o menor nível em três semanas. A queda do metal precioso acompanhou a de ativos considerados seguros, com o maior apetite dos investidores por risco.

STEFÂNIA AKEL, Agencia Estado

22 de abril de 2014 | 15h53

O contrato de ouro mais negociado, com entrega para junho, perdeu US$ 7,40 (0,6%), fechando a US$ 1.281,10 a onça-troy, o menor nível desde 1º de abril.

"Não houve nada específico para a queda do ouro hoje", disse Colin Cieszynski, analista da CMC Markets. "Isso foi parte de um fluxo geral de ativos seguros para mercados de risco."

Dados positivos dos EUA divulgados hoje deixaram os investidores mais propensos ao risco. As vendas de moradias usadas no país caíram 0,2% em março ante fevereiro, mas o dado veio melhor que a previsão de recuo de 0,7%. Além disso, o índice de atividade industrial regional do Federal Reserve de Richmond subiu para 7 em abril, revertendo a leitura de -7 observada em março. (Com informações da Dow Jones Newswires)

Tudo o que sabemos sobre:
ouro

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.