Ouro fecha em baixa com avaliação de dados dos EUA

Os contratos futuros de ouro negociados na Comex, a divisão de metais da New York Mercantile Exchange (Nymex), fecharam em baixa nesta quinta-feira, 15, após os dados dos EUA mostrarem que a economia continua a melhorar.

Stefânia Akel, da Agência Estado, com informações da Dow Jones Newswires,

15 de maio de 2014 | 15h48

O contrato de ouro mais negociado, com entrega para junho, perdeu US$ 12,30 (0,9%), fechando a US$ 1.293,60 a onça-troy.

Apesar de a produção industrial do país ter caído 0,6% em abril ante março, os pedidos de auxílio-desemprego caíram abaixo da marca de 300 mil na semana passada, alcançando o menor nível em sete anos. Além disso, o índice Empire State de atividade industrial na região de Nova York saltou para 19,01 em maio, de 1,29 em abril, superando bastante a previsão de 5,0. A leitura é a mais alta desde meados de 2010.

Os dados apontam para uma economia que está lentamente melhorando, sem maiores turbulências, o que é um problema para o ouro. O metal atrai investidores em períodos de crise ou quando a inflação está fora do controle, mas enfrenta dificuldades para atrair a atenção dos investidores em outros momentos. (Com informações da Dow Jones Newswires)

Tudo o que sabemos sobre:
ouro

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.