Ouro registra leve alta em dia de baixo volume

Os contratos futuros de ouro negociados na Comex, divisão de metais da New York Mercantile Exchange (Nymex), registraram leve alta nesta terça-feira, dia em que os volumes permaneceram moderados, após a passagem do furacão Sandy. O contrato do metal mais negociado, para entrega em dezembro, subiu US$ 3,40 (0,20%), fechando em US$ 1.712,10 a onça-troy.

PRISCILA ARONE, Agencia Estado

30 Outubro 2012 | 17h45

Os ganhos do metal precioso ocorreram durante um pregão tranquilo, já que as negociações no viva-voz permaneceram fechadas pelo segundo dia seguido em razão do furacão. A tempestade provocou fortes enchentes e quedas de energia na região sul de Manhattan, onde ficam as instalações da Comex.

"Tivemos volumes extremamente baixos ontem, tanto para contratos de ouro quanto de prata. Parece que o mesmo está acontecendo hoje. Eu acho que isso vai acontecer até que Nova York volte ao normal", disse Kurt Pfafflin, da Daniels Trading.

A falta de liquidez nas transações torna difícil para os investidores prever a direção dos preços, disse Charles Nedoss, estrategista de commodities da Kingsview Financial. "Está tão quieto que é difícil dizer o que realmente acontece", afirmou.

Os negociadores do metal mantêm suas atenções no relatório sobre emprego, que será divulgado na sexta-feira, disse Frank McGhee, da Integrated Brokerage Services. "Um bom relatório de emprego é ruim para o ouro", acrescentou, dizendo que qualquer indicação de crescimento consistente no mercado de trabalho pode preocupar aqueles negociadores que apostaram num período mais longo para os estímulos monetários do Federal Reserve.

Os preços do ouro subiram após injeções anteriores de liquidez pelo Fed porque os investidores temem que a maior quantidade de dinheiro em circulação eleve a inflação, por isso compram o metal para fazer hedge. As informações são da Dow Jones.

Mais conteúdo sobre:
ouro fechamento

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.