Ouro se recupera e fecha em alta de 1,4%

Preço do metal já caiu 20% desde o início do ano, com redução do temor com inflação e crescimento global

Agência Estado

20 de maio de 2013 | 15h26

Os contratos futuros de ouro negociados na Comex, divisão de metais da New York Mercantile Exchange (Nymex), fecharam em alta nesta segunda-feira, 20, recuperando-se da maior sequência de baixas desde a crise financeira, com a saída do mercado de investidores que apostavam em preços mais baixos.

O contrato de ouro mais negociado, com entrega para junho, subiu US$ 19,40 (1,4%), encerrando a sessão a US$ 1.384,10 a onça-troy, registrando a primeira alta em oito sessões.

O apetite menor pelo porto seguro que o ouro representa já derrubou o preço do metal precioso em 20% desde o início do ano, com a diminuição dos temores em relação à inflação e a melhora do crescimento global. As informações são da Dow Jones.

Tudo o que sabemos sobre:
ourofechamento

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.