Perdigão amplia oferta para 32 milhões de ações ON

A Perdigão, produtora de aves, frios e alimentos congelados, ampliou a oferta global de ações e ADRs (recibos de ações negociados nos EUA) para 32 milhões, conforme anúncio publicado hoje na imprensa. A empresa havia comunicado ao mercado em 7 de agosto que faria uma operação envolvendo 20 milhões de papéis. De acordo com o anúncio, as ações podem ser vendidas sob a forma de american depositary shares (ADSs), representadas por american depositary receipts (ADRs). A operação é coordenada pelo Banco de Investimentos Credit Suisse Brasil (líder) e pelo Banco Itaú BBA. A quantidade de ações objeto da oferta poderá ser acrescida de lote suplementar de até 15% do total para atender a um eventual excesso de demanda, no prazo de até 30 dias a contar da data da assinatura do contrato de venda. Além disso, a operação poderá ser elevada em mais 20%, representada pelo lote adicional. Os atuais acionistas da Perdigão têm assegurada a subscrição de ações equivalentes a 23,965% da participação registrada na Câmara Brasileira de Liquidação e Custódia (CBLC) ontem. O coordenador líder, por meio da Credit Suisse Brasil Corretora, poderá atuar no processo de estabilização dos preços das ações da empresa no prazo de até 30 dias a contar da data do anúncio do início da distribuição. Reserva de ações O período de reservas para as 32 milhões de ações e ADRs que a Perdigão está ofertando ao mercado inicia-se em 3 de outubro. Para as pessoas vinculadas, as reservas serão encerradas em 4 de outubro. Em 9 de outubro, termina o prazo para os acionistas. Já os investidores não institucionais têm até 16 de outubro para fazer a opção pelos papéis. Segundo anúncio do início da oferta publicado hoje, o preço das ações será fixado pelo processo de bookbuilding (coleta de propostas), que vai de amanhã (27/09) a 17 de outubro. Nessa última data deverá ser definido o preço do papel. O início das negociações com as ações objeto da oferta global está programado para 19 de outubro. A liquidação deve ocorrer em 23 de outubro. O prazo para encerramento do exercício de opção pelas ações suplementares encerra-se em 17 de novembro. Uso de recursos A Perdigão informa, em prospecto preliminar de sua oferta primária de ações, que deseja utilizar 20% dos recursos obtidos para reforço de seu capital de giro. Outros 40% serão destinados para investimentos para crescimento orgânico; e os 40% restantes serão destinados a aquisições estratégicas, nas palavras da empresa, com a finalidade de atingir as metas de diversificação das linhas de produtos da companhia, expansão da base de clientes e aprimoramento da rede de distribuição global. No documento, a Perdigão pressupõe um preço por ação na colocação de R$ 21,90, equivalente à cotação das ações em 21 de setembro de 2006. Por este valor, a captação estimada com a oferta global atingirá cerca de R$ 680,2 milhões, após dedução dos descontos e comissões de distribuição e das despesas de oferta. No pregão de hoje, as ações da companhia apresentavam alta de 1,54%, para R$ 21,07. Às 14h11, as ações da Perdigão valiam R$ 21,06, em alta de 1,49% em relação ao preço de fechamento de ontem.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.