Perfil da dívida segura os juros

O superávit primário das contas do setor público, que representa o resultado consolidado das contas do governo apresentou o maior porcentual em relação ao PIB desde 1994, mas economistas comentam que o Brasil enfrenta piora da qualidade desse resultado e isso poderá engessar a política monetária nos próximos anos. A Agência Estado entrevistou o economista do Ipea (Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada), Fábio Giambiagi, sobre o assunto. Ele comenta sobre a qualidade do resultado das contas do governo, da perspectiva para este ano e sobre o impacto do resultado das contas do governo para a política monetária. Para ver essa entrevista, clique em Áudio e Vídeos no menu à esquerda.

Agencia Estado,

31 de janeiro de 2006 | 07h00

Tudo o que sabemos sobre:
renda fixa

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.