Peso do México fecha em alta, a 10,538 por dólar

O peso mexicano fechou cotado no Banco Central do México (Banamex) a 10,538 por dólar, em alta em relação aos 10,561 por dólar do fechamento de ontem e praticamente estável em comparação com os 10,537 por dólar da abertura. Operadores disseram que houve pouca atividade no mercado. Em nota divulgada hoje, o BBVA-Bancomer diz que o peso deverá permanecer relativamente estável até a próxima terça-feira, quando será divulgado o índice de preços ao consumidor da primeira quinzena de janeiro. Na sexta-feira, dia 27, o Banco Central do México realiza sua primeira reunião de política monetária de 2006. Os analistas do UBS disseram hoje que revisaram sua previsão de corte na taxa do overnight de 25 pontos-base para 50 pontos-base, por causa das altas recentes do peso e das expectativas de que o Federal Reserve (o BC americano) seja menos agressivo em seu ciclo de apertos monetários. Já o analista Eric Torres, do JP Morgan, afirmou que, "se as ações mexicanas retomaram o desempenho forte que vimos no começo deste ano e a pressão do real brasileiro diminuir, o peso poderá fortalecer-se na direção dos 10,40 por dólar".

Agencia Estado,

19 de janeiro de 2006 | 18h45

Tudo o que sabemos sobre:
finanças

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.