Petrobras confirma potencial da área de Moita Bonita

A Petrobras informa que a perfuração do terceiro poço na área de Moita Bonita, na concessão BM-SEAL-10, na Bacia de Sergipe-Alagoas, comprovou a extensão da descoberta de gás e petróleo leve, naquela área, conforme divulgado ao mercado em 24 de agosto de 2012.

FÁTIMA LARANJEIRA, Estadão Conteúdo

21 de agosto de 2014 | 18h56

O poço, que é informalmente conhecido como Moita Bonita 3 (3-BRSA-1244-SES / 3-SES-182), é o segundo poço de extensão perfurado na área. Ele está localizado a 82 km do litoral de Sergipe, a cerca de 5 km do poço descobridor Moita Bonita 1-BRSA-1088-SES (1-SES-168) e em profundidade dágua de 2.790 metros.

"Durante a perfuração foi constatada a existência de reservatórios com espessura de 40 metros, com boas condições de permeabilidade e porosidade, confirmando as expectativas do projeto", afirma a empresa em comunicado ao mercado distribuído há pouco. Após a conclusão da perfuração foi realizado ainda um teste de formação que confirmou a presença de óleo de 41º API e a boa produtividade do reservatório.

A acumulação Moita Bonita integra o programa de desenvolvimento da Bacia de Sergipe-Alagoas em águas ultraprofundas. A estatal, que é operadora do BM-SEAL-10, com 100% de participação, dará continuidade às atividades previstas na área.

Tudo o que sabemos sobre:
PetrobrasMoita Bonita

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.