Petrobras fecha acordo com estaleiro para construção de dique seco

A Petrobras divulgou hoje que formalizou a contratação do estaleiro Rio Grande para construir um dique seco, ou seja, uma unidade a ser utilizada pela estatal para construção e reparo de plataformas de produção de petróleo do tipo semi-submersível. A licitação, conduzida pela Empresa Rio Bravo Investimentos, prevê investimentos de R$ 222,89 milhões, conforme nota da empresa. O Estaleiro Rio Grande, localizado no Porto de Rio Grande (RS), é controlado pelo grupo W Torre.A Petrobras considera estratégica a existência de um dique seco no País, para manutenção e reparos de plataformas semi-submersíveis de grande porte. Atualmente, esses serviços têm sido realizados no exterior, com significativo aumento de custos, deixando de gerar emprego e renda no mercado interno, observa a empresa.A principal instalação do empreendimento será o dique seco, com dimensão de 130m x 140m e calado de 13,8 m. A infra-estrutura terá ainda cais, oficinas de processamento de aço e áreas de apoio e será alugada à Petrobras por um período de 10 anos. A Petrobras prevê a construção de quatro cascos para plataformas de produção de petróleo offshore, gerando cerca de 2.500 novos empregos diretos na região onde for instalada a infra-estrutura.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.