Petrobras quer elevar refino em 450 mil barris/dia até 2010

O presidente da Petrobras, José Sérgio Gabrielli de Azevedo, afirmou que a empresa pretende expandir sua capacidade de refino de petróleo em 450 mil barris por dia até 2010. Boa parte dessa expansão deve ser obtida com o aumento da capacidade em duas refinarias da Petrobras no Brasil, que somado deve atingir 350 mil barris/dia em 2011. O volume restante deve ser gerado na Europa, EUA e Ásia, afirmou Gabrielli durante entrevista coletiva em Amsterdã. "Estamos em busca de capacidade para processar petróleo pesado em nossa capacidade já instalada ou em refinarias onde podemos promover reformas", afirmou.Embora o executivo não tenha feito comentários sobre as negociações em andamento do governo brasileiro com a Bolívia, Gabrielli expressou preocupação com a possibilidade de cortes nas exportações de gás boliviano para o Brasil. Segundo ele, a empresa "está contando" com 30 milhões de metros cúbicos de gás por dia da Bolívia, mas acrescentou: "Temos planos no curto prazo se acontecer alguma interrupção no fornecimento da Bolívia." Gabrielli também observou que a constituição boliviana estabelece que o governo pode nacionalizar ativos, mas tem de pagar compensações. "Estamos discutindo isso", acrescentou. As informações são da agência Dow Jones.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.