Petróleo acompanha nervosismo das ações e cai

Os contratos futuros de petróleo estão em queda em Nova York e Londres, acompanhando as perdas das Bolsas em Wall Street. Segundo um operador, a fraqueza do mercado acionário está começando a atingir as commodities. Os operadores estão precificando a probabilidade de uma desaceleração econômica e a queda na demanda de petróleo, disseram os analistas. O índice Dow Jones da Bolsa de Nova York caiu quase 200 pontos hoje nos primeiros cinco minutos de negócios (às 11h30), o que acentuou o nervosismo no setor de energia. Mas, às 12h48 (de Brasília), o Dow Jones reduziu a queda a 73 pontos (-0,62%) e o petróleo acompanhava a melhora. O contrato para abril do petróleo WTI, que chegou a ser negociado na mínima a US$ 60,80 na Bolsa Mercantil de Nova York (Nymex), estava em queda de 0,57% às 12h49, cotado a US$ 61,40, ainda bem abaixo da cotação de US$ 62,49 em que estava à noite. Na plataforma de negociações ICE, em Londres, o contrato para abril do petróleo Brent caía 0,16% para US$ 61,79 o barril. As informações são da agência Dow Jones.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.