Petróleo amplia queda a 3,29% em NY, para US$ 58,75

Às 13h27 (horário de Brasília), fortes vendas faziam o contrato de petróleo para dezembro recuar 3,29%, para US$ 58,75 por barril, na Bolsa Mercantil de Nova York (Nymex). Sem que a ameaça de um atentado terrorista na Arábia Saudita tivesse se concretizado, os investidores redirecionaram o foco para os níveis de estoques de petróleo e derivados nos EUA. Alguns analistas destacavam que o breve fechamento do Louisiana Offshore Oil Port, o principal ponto de importação de petróleo dos EUA, foi responsável pela queda dos estoques da semana passada. Inicialmente, o mercado tinha interpretado a queda como um indício de demanda forte. Paralelamente, a BP informou, hoje, que a produção na baía de Prudhoe Bay, no Alasca, retornou aos níveis anteriores a agosto, de mais de 400 mil barris por dia. As informações são da Dow Jones.

Agencia Estado,

30 de outubro de 2006 | 13h44

Tudo o que sabemos sobre:
finanças

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.