Petróleo cai, mas barril continua acima de US$ 103

Os contratos futuros de petróleo negociados na New York Mercantile Exchange (Nymex) fecharam em leve queda nesta segunda-feira, 08, mas continuaram acima de US$ 103 por barril, na medida em que os traders avaliam a violência no Egito e o risco à comercialização da commodity.

Agencia Estado

08 de julho de 2013 | 17h09

O contrato de petróleo mais negociado, com entrega para agosto, perdeu US$ 0,08 (0,1%), fechando a US$ 103,14 o barril. Na plataforma ICE, o barril do petróleo do tipo Brent para agosto caiu US$ 0,29 (0,26%), encerrando a sessão a US$ 107,72.

Além das incertezas com carregamentos devido à situação do Egito, existe um "cabo de guerra entre a perspectiva cada vez melhor para a economia dos EUA e as crescentes preocupações com a situação da China e da Europa", disse Michael Lynch, presidente da Strategic Energy & Economic Research. "Até que ambos estejam mais resolvidos, provavelmente não haverá uma direção mais clara para os preços." Fonte: Dow Jones Newswires.

Tudo o que sabemos sobre:
petróleofechamento

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.