Petróleo e juro derrubam Bolsa de NY

O índice Dow Jones, da Bolsa de NY, fechou quase estável, enquanto o Nasdaq - índice da bolsa eletrônica, que reúne principalmente empresas de tecnologia - subiu. O dia foi marcado pelas notícias de atividade de fusão e aquisição e pela alta de 3% dos preços do petróleo e persistente preocupação relacionada com as taxas de juro nos EUA, segundo analistas. Entre os destaques do dia, as ações da North Fork Bancorp subiram 15% e as do Capital One Financial recuaram 7,6%. O Capital One concordou em comprar o North Fork, de Nova York, por US$ 14,6 bilhões em dinheiro e ações, o que representa um prêmio de 23% sobre o valor de fechamento de sexta-feira das ações do North Fork. As ações da Andrx Corp subiram 9,9%, depois que a Watson Pharmaceuticals concordou em comprar a fabricante de medicamentos genéricos pro US$ 1,9 bilhão, ou US$ 25 por ação em dinheiro - o que representa um prêmio de 16% sobre o fechamento da ação na sexta-feira. As ações da Watson fecharam em baixa de 1,9%. Os ADRs da Schering AG subiram 27%, depois de a companhia ter rejeitado a oferta não solicitada da rival alemã Merck KGaA. As ações da General Motors (GM) caíram 1,25% e lideraram as perdas entre as componentes do índice Dow Jones. A ação reagiu negativamente ao anúncio de que sindicalistas de outra unidade da Delphi autorizaram uma greve contra a companhia, que é a principal fornecedora de autopeças da GM, segundo informou a Associated Press (AP). O índice Dow Jones fechou em baixa de 0,32 ponto (0,003%), em 11.076,02 pontos. O Nasdaq fechou em alta de 4,99 pontos (0,22%), em 2.267,03 pontos. As informações são da Dow Jones.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.