Petróleo fecha a US$ 112,21 em NY à espera do Fed

Contrato do petróleo para junho negociado na Nymex caiu 0,06%, para US$ 112,21 por barril

Gustavo Nicoletta, da Agência Estado ,

26 de abril de 2011 | 16h56

O preço dos contratos futuros do petróleo negociados na Bolsa Mercantil de Nova York (Nymex, na sigla em inglês) fechou em leve queda, mesmo diante de um aumento nos preços da gasolina, refletindo a cautela dos investidores antes do anúncio da decisão de política monetária do Federal Reserve (Fed, banco central americano) e de uma entrevista coletiva com o presidente da instituição, Ben Bernanke, amanhã.

"Todo mundo está esperando o Fed", disse Mark Waggoner, presidente da Excel Futures. O preço do contrato do petróleo para junho negociado na Nymex caiu US$ 0,07, ou 0,06%, para US$ 112,21 por barril. Na plataforma ICE, o contrato do petróleo tipo Brent para junho avançou US$ 0,48, ou 0,39%, para US$ 124,14 por barril.

O contrato da gasolina reformulada (RBOB) para maio negociado na Nymex fechou em alta de US$ 0,0343, ou 1,03%, a US$ 3,3572 por galão, impulsionado por problemas em refinarias. A BP disse que todas as suas unidades permanecem fechadas e que sua refinaria em Texas City não possui fornecimento de energia confiável depois de ter sido atingida por um incêndio seguido de apagão na segunda-feira. Já a Marathon Oil e a Valero anunciaram que estão retomando as operações em suas unidades de Texas City, que também ficaram sem energia.

O valor da gasolina subiu 3,8% nos últimos quatro dias, deixando o preço do combustível na bomba nos EUA - em média US$ 0,65 mais caro - cada vez mais perto dos US$ 4 por galão, nível registrado pela última vez em meados de 2008 e considerado por analistas como prejudicial ao consumo. Na terça-feira, o preço da gasolina na bomba estava em US$ 3,869 por galão nos EUA - um galão equivale a 3,79 litros.

Analistas do governo do país estimaram que a demanda pelo combustível durante a temporada de viagens deve crescer apenas 0,5% na comparação com igual período do ano passado e que o preço por galão não vai superar US$ 3,91. As informações são da Dow Jones.

Tudo o que sabemos sobre:
petróleogasolinabarrilNymexFed

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.