Petróleo fecha em alta à espera de dados de estoques

Os contratos futuros de petróleo negociados na New York Mercantile Exchange (Nymex) fecharam em alta nesta quarta-feira, 13, recuperando-se de uma mínima em cinco meses, atingida na terça-feira, 12. No entanto, os ganhos não foram maiores devido à expectativa de mais um aumento nos estoques dos EUA.

STEFÂNIA AKEL, COM INFORMAÇÕES DA DOW JONES NEWSWIRES, Agencia Estado

13 de novembro de 2013 | 19h13

O contrato de petróleo mais negociado, com entrega para dezembro, subiu US$ 0,84 (0,90%), fechando a US$ 93,88 o barril. Na plataforma eletrônica ICE, o barril de petróleo do tipo Brent para dezembro avançou US$ 1,31 (1,24%), para US$ 107,12.

O American Petroleum Institute vai reportar nesta quarta-feira, 13, os estoques do setor privado, com atraso de um dia devido ao feriado do Dia dos Veteranos. Os estoques divulgados pelo Departamento de Energia (DoE) dos EUA sairão na quinta-feira, 14.

As estimativas de 12 analistas consultados pelo Wall Street Journal é de que os estoques devem ter subido, na média, 1 milhão de barris na semana encerrada em 8 de novembro. Se a alta se confirmar, ela marcará a oitava semana consecutiva de aumento nos estoques.

A agência estatal da Líbia afirmou nesta quarta-feira, 13, que uma refinaria de petróleo do oeste do país reabriu, um dia após rebeldes terem ocupado o local e interrompido a produção.

Além disso, um relatório da Administração de Informação de Energia (AIE) dos EUA afirmou que a produção de petróleo do país em outubro superou as importações pela primeira vez desde 1995.

Tudo o que sabemos sobre:
Petróleo

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.