Petróleo fecha em alta com notícia sobre estoque nos EUA

Os contrato futuros de petróleo fecharam em alta depois de um relatório do governo dos EUA informar que houve uma queda maior que a prevista nos estoques da commodity no país.

DANIELLE CHAVES, COM INFORMAÇÕES DA DOW JONES NEWSWIRES, Agência Estado

16 de julho de 2014 | 17h28

O petróleo para agosto negociado na Nymex subiu 1,24% (US$ 1,24), para US$ 101,20 por barril. Na ICE, o brent para agosto, que vence hoje, caiu 0,16% (US$ 0,17), para US$ 105,85 por barril, enquanto o brent para setembro subiu 0,27% (US$ 0,29), para US$ 107,17 por barril.

Segundo dados do Departamento de Energia (DoE), os estoques de petróleo bruto diminuíram 7,5 milhões de barris na semana encerrada em 11 de julho, bem mais que o declínio de 2,6 milhões de barris esperado pelos analistas.

Os preços do petróleo também foram beneficiados por dados bons sobre a economia da China. O Produto Interno Bruto (PIB) chinês cresceu 7,5% no segundo trimestre deste ano, levemente acima da previsão de alta de 7,4% e da expansão observada no primeiro trimestre, de 7,4%. A China é o maior importador de petróleo do mundo.

Tudo o que sabemos sobre:
petróleo

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.